Rurouni Kenshin – Samurai X

5.00 avg. rating (98% score) - 1 vote
Rurouni Kenshin

Titulo: Rurouni Kenshin
Gênero:
 Ação, Comédia,  Drama
Estúdio: Fuji TV / SPE Visual Works
Formato: Série de TV / 95 episódios
Ano de produção: 1996

O lendário assassino Hitokiri Battousai ajudou a criar a Era Meiji, matando muitos no processo. O cheiro da morte impregnou-se em seu ser, logo tornando-se insuportável para Kenshin Himura; decidiu então tentar redimir-se de seus crimes ao viver uma vida da paz e de virtual anonimato. Adotando a sakabatou (uma espada não-letal por ser com uma lâmina invertida), Kenshin começou uma viagem para manter a paz sem promover a morte no processo. Entretanto, os fantasmas de seu passado voltam para assombrá-lo, e deverá lutar para conservar seus amigos e sua alma.

Uma série difícil de classificar. Em uma mão, temos excelentes personagens e enredo; mas na outra mão, horríveis episódios de enchimento e  decepção, além de um final sem brilho algum. De qualquer forma, os prós compensam os contras, e Rurouni Kenshin pode ser considerado um anime de ação de alto nível.

A primeira parte da história serve na maior parte como um prelúdio onde os personagens principais são introduzidos e por isso mesmo tendo um ritmo lento, além de uma animação mais ou menos. Após isso, entretanto, a arte-final, animação e o enredo recebem nova vitalidade. As sequências de ação são um espetáculo a contemplar, e desde então é possível realmente importar-se com os personagens. Sendo que o tema da história se faz mais sério e se ouve menos daqueles temidos oro’s.

Infelizmente, todas as coisas boas chegam a um fim, e o caso de Rurouni Kenshin, isto ocorre bem antes do final da série. Após a fase de Kyoto, o anime é completamente diferente do mangá e simplesmente não cativa mais como antes. Todavia, Rurouni Kenshin tem qualidades que conseguem redimi-lo – ou ao menos equilibrar – de tais defeitos. A trilha sonora, por exemplo, é excepcional. Além disso, a melhor coisa na série são os personagens. Foram não somente extremamente bem projetados, como também possuem personalidades profundas e crescem imensamente enquanto a história progride. Todos são interessantes e tornam a série melhor. De cada membro do Juppon Gatana de Shishio a Kenshin Himura e seu grupo de amigos, todos exalam personalidade. Remova-os e esta seria uma série extremamente monótona.

Finalizando: Apesar de suas falhas, a série vale a pena ser vista por causa da interação entre os personagens, o enredo excelente assim como os momentos de ação, além de uma grande trilha sonora. Sendo portanto um anime memorável.

5.00 avg. rating (98% score) - 1 vote

Comentários

Facebook